Siga-nos!

igreja perseguida

Capelão da Força Aérea dos EUA é demitido por pregar sobre moralidade sexual

Sermão foi pregado em 2013 para recrutas e lésbica apresentou queixa.

Michael Caceres

em

Chaplain Curtis Cizek
Chaplain Curtis Cizek (Foto: Reprodução/Arquivos Pessoais)

Curt Cizek, um ex-capelão da Força Aérea dos Estados Unidos, afirma ter sido demitido depois de ter pregado uma mensagem que, segundo ele, desagradou os superiores e acabou culminando na sua demissão. Ele afirma que nunca tinha sido punido por pregar, até o sermão para recrutas em 2013.

A mensagem teria sido ministrada na Base Aérea de Lackland e incluía escrituras sobre moralidade sexual, afirmando que o tema centrar era tratar do tipo de pecado que “não achamos tão ruim”. Ele falou durante a ministração contra adultério.

“A mensagem era sobre o pecado que não achamos tão ruim”, disse Cizek. “Se você está fazendo sexo com alguém com quem não é casado, você precisa parar. Eu disse, ‘sabe, às vezes a igreja cristã ganhou a reputação de ser preconceituosa porque olhamos para um pecado, a homossexualidade, e então fechamos os olhos e não dizemos nada sobre o pecado heterossexual, e isso é hipócrita'”, afirma ter dito.

De acordo com a CBN News, Curt Cizek foi denunciado por uma estagiária lésbica, que reclamou que ele teria afirmado que os homossexuais vão queimar no inferno, mas ele nega ter dito algo assim durante sua pregação, o que acarretou em seu afastamento.

“Eu descobri logo depois que uma estagiária lésbica tinha uma reclamação sobre o sermão”, disse Cizek. “Ela reclamou que eu disse que todos os homossexuais vão queimar no inferno. Não sei que sermão ela ouviu porque não foi isso que preguei naquele dia.”

Foram quase 2.500 recrutas acompanhando o sermão, mas apenas uma pessoa apresentou uma reclamação. “Também tínhamos uma comandante assumidamente lésbica trabalhando no treinamento básico e quando ela ouviu sobre a reclamação da estagiária, ela não desistiu”, disse Cizek.

“Meus relatórios de desempenho foram rebaixados, minha recomendação de promoção foi rebaixada. Fui preterido duas vezes para promoção e involuntariamente separado da Força Aérea em 2016”, conta.

O resultado foi que, apesar de seus quase 30 anos de serviço, quase 20 deles na ativa, ele não pode se aposentar da Força Aérea. Cizek diz que embora seja uma perda líquida de mais de um milhão de dólares em pensões e benefícios de saúde, ele vê um problema maior.

“Mesmo se eu dissesse o que ela disse que eu disse, está coberto pelo meu direito da Primeira Emenda de pregar e ensinar de acordo com minhas crenças religiosas”, disse Cizek. “Ou acreditamos que todos têm direitos da Primeira Emenda ou não.”

A Força Aérea diz que nunca houve nenhuma apresentação formal contra o sermão, causando seu baixo desempenho, mas que ele teria violado protocolos que não foram relacionados em seu relatório crítico. Cizek diz que apesar de ter apelado aos escalões mais altos, jamais recebeu documento mostrando o motivo da decisão.

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending