Siga-nos!

Internacional

Campanha de Trump diz que Twitter quer silenciar conservadores

Marqueteiro político acusou microblog de censurar a campanha de Trump.

em

Twitter. (Foto: Techcrunch)

O marqueteiro político da campanha de Donald Trump a reeleição à Presidência da República dos Estados Unidos, Brad Parascale, afirmou que o Twitter quer silenciar os conservadores.

“Essa é mais uma tentativa de silenciar os conservadores”, disse. Ele também classificou a política de tolerância zero do microblog como “uma decisão muito estúpida”.

A empresa anunciou que não permitirá propaganda política nestas eleições, além de realizar uma forte investida para impedir o que classifica como discurso de ódio.

“O Twitter acabou de se afastar de potenciais centenas de milhões de dólares de receita, uma decisão muito estúpida por parte de seus acionistas”, disse Parscale.

Ele também questionou se o Twitter pretende barrar anúncios de empresas alinhadas com a oposição e que financia conteúdo claramente político.

“Essa é mais uma tentativa de silenciar os conservadores, já que o Twitter sabe que o Presidente Trump tem o planejamento online mais sofisticado já visto”, completou.

 

Publicidade