Siga-nos!

Política

Bolsonaro ironiza Francisco ao falar sobre Amazônia

“O papa é argentino, mas Deus é brasileiro”, disparou o chefe do Executivo.

Michael Caceres

em

Jair Bolsonaro. (Foto: Marcos Corrêa / PR)

O presidente da República, Jair Bolsonaro, respondeu ao papa Francisco sobre a soberania brasileira na Amazônia, afirmando que floresta tropical pertence ao Brasil.

A fala do chefe do Executivo se deu nesta quinta-feira (14), após o Vaticano divulgar documento sobre o Sínodo da Amazônia.

Francisco sugeriu, na Exortação Apostólica pós-sinodal, que a floresta tropical é patrimônio mundial, apesar de rejeitar a ideia de internacionalização da região.

“Ninguém fala na Austrália. Pegou fogo na Austrália toda, ninguém fala nada. Cadê o sínodo da Austrália? O papa Francisco falou ontem que a Amazônia é dele, do mundo, de todo mundo”, criticou.

Em seguida, o presidente da República disparou: “Por coincidência, estava aqui com o embaixador da Argentina [Felipe Solá] eu disse: O papa é argentino, mas Deus é brasileiro”.

Mais tarde, na tradicional “live de quinta”, o presidente Jair Bolsonaro voltou a dizer ao papa que a floresta tropical é patrimônio brasileiro.

Bolsonaro disse que Amazônia é “nossa” e não “como o Papa tuitou ontem, não, tá?”.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE