Siga-nos!

política

Bolsonaro alerta para movimento de imposição de “ditadura” em estados

Presidente da República voltou a fazer alerta contra restrições dos governadores.

em

Jair Bolsonaro
Presidente da República, Jair Bolsonaro (Foto: Marcos Corrêa/PR)

O presidente Jair Bolsonaro usou o Twitter para compartilhar uma fala sua sobre a imposição de uma ditadura no Brasil, alertando para o movimento de governadores que trabalham para dominar o povo. Bolsonaro lembrou sua fala sobre como é fácil impor uma ditadura no país.

“Quanto mais gente for obrigada a viver de favores do Estado, mais dominado fica esse povo”, disse.

Para o presidente da República, o povo precisa saber o que está em jogo e que a liberdade está sendo ameaçada através da oferta de auxílios que tornam a população dependentes de favores do Estado. “Então o pessoal precisa entender o que que está em jogo, o que ele pode perder e não esperar que uma pessoa resolva seus problemas, esse problema é de todos nós”, disse.

Em seguida, falando aos apoiadores no Palácio Alvorada, Bolsonaro lembrou que foi criticado por ter alertado sobre como é fácil impor uma ditadura no país e lembrou que “tudo que vem fácil não se valoriza” e o que se tem de mais sagrado é a liberdade.

“O pessoal vai indo devagar, devagar, tirando seus bens, tirando tua esperança, tirando teu ganha pão, você passa a ser obrigado a ser sustentado pelo Estado. Se vê que tem governador agora que está falando em auxílio emergencial né, querem fazer um Bolsa Família próprio. Quanto mais gente vivendo de favor do Estado, mais dominado fica esse povo.

Lockdown

Governadores e prefeitos voltaram a impor lockdown, gerando insegurança econômica para as famílias e colocando em risco a estabilidade do país. As medidas vêm sendo criticadas pela sociedade, que questionam o mal uso do dinheiro destinado para a implantação de leitos na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) dos hospitais.

Manifestações em Porto Alegre pedindo o impeachment do governador Eduardo Leite (PSDB) e reabertura econômica aconteceram nesta semana. O governador do Rio Grande do Sul é alvo de questionamentos por ter usado, supostamente, os recursos que eram destinado ao combate à pandemia para colocar em dia a folha de pagamentos dos servidores do estado.

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending