Siga-nos!

igreja

Bola de Neve pede perdão a Deus e aos membros e cria ouvidoria

Conselho Deliberativo da igreja detalhou as medidas que serão adotadas.

em

Apóstolo Rina (Foto: Reprodução/YouTube)

A Bola de Neve Church, uma das maiores igrejas evangélicas do Brasil, está enfrentando uma crise sem precedentes. Após denúncias de desvios de recursos e abusos cometidos por lideranças da igreja em Balneário Camboriú (SC), a igreja emitiu um comunicado pedindo perdão publicamente e anunciando a criação de uma ouvidoria para tratar esses casos.

O casal Rodolfo e Alexandra Abrantes foi um dos primeiros a tornar públicas as falhas na liderança da igreja. Em seguida, Nathan Gouvea, enteado do fundador da Bola de Neve, apóstolo Rina, endossou as críticas e afirmou que se afastou da igreja devido ao comportamento abusivo de seu padrasto, tanto na igreja quanto em casa. Nathan mencionou, inclusive, o tratamento inadequado de Rina para com sua mãe, a pastora Denise Seixas.

A situação se agravou quando um áudio vazado revelou uma discussão acalorada entre Rina e Denise em casa, onde Rina usou palavrões e pediu que Denise saísse do quarto para dormir no escritório. A exposição pública das polêmicas levou Rina a se manifestar durante um culto, anunciando seu afastamento para cuidar da saúde mental de Denise. No entanto, Nathan criticou a declaração, afirmando que Rina perdeu uma oportunidade de admitir sua responsabilidade.

Em resposta aos eventos, o Conselho Deliberativo da Bola de Neve Church decidiu pelo afastamento de Rina para que ele possa esclarecer as acusações e restabelecer sua saúde e a de sua família. O comunicado emitido pelo Conselho expressa um pedido de perdão a Deus e aos membros da igreja pelas falhas e falta de atenção aos fatos apresentados. Além disso, a igreja anunciou a criação de uma ouvidoria através do e-mail ouvidoria@boladeneve.com para tratar possíveis falhas e má conduta, e um Conselho de Ética para acompanhar os casos, que podem resultar no afastamento ou desligamento de lideranças.

No comunicado, o Conselho Deliberativo da igreja detalhou as medidas que serão adotadas para garantir a integridade e santidade da estrutura eclesiástica, incluindo a diligência na apuração de cada caso e a reformulação do regimento interno para evitar que eventos semelhantes ocorram novamente.

A igreja concluiu o comunicado com uma mensagem de humildade, reconhecendo que momentos de crise são oportunidades para aperfeiçoamento e reestruturação, enfatizando o compromisso de investir na cura, restauração e salvação das famílias, e não na destruição.

Comunicado Oficial da Bola de Neve Church

A toda família Bola de Neve,

É com muito pesar e tristeza que nos dirigimos a vocês para tratar dos fatos que se desdobram nas últimas semanas envolvendo o Ministério Bola de Neve. O Conselho Deliberativo, junto ao Apóstolo Rina, decidiu pelo afastamento do seu fundador para que se dedique integralmente a esclarecer os apontamentos apresentados e restabelecer sua saúde e a de sua família. A partir de agora, o Conselho Deliberativo assume a responsabilidade por todo o Ministério.

Desta forma, pedimos perdão primeiramente a Deus, a quem um dia prestaremos conta, pelas falhas e falta de atenção aos fatos apresentados.

Estendemos nossa verdade e retratação à família Bola de Neve, a qual tanto amamos, e a todos que, de alguma forma, decepcionaram-se com a condução da liderança e, também, para aqueles que um dia saíram feridos por quaisquer falhas cometidas no Ministério. Investimos nossas vidas pela cura, restauração e salvação de famílias, nunca para a destruição.

Como medidas construtivas, nos comprometemos com ações que farão com que a Igreja mantenha a integridade e a santidade da estrutura eclesiástica, entre elas estão:

Instalação do canal de ouvidoria para catalisar possíveis falhas e má conduta, por meio do e-mail ouvidoria@boladeneve.com
Elaboração de um Conselho de Ética para apuração e deliberação a respeito de todas as irregularidades apresentadas.
Diligência e apuração de cada caso (inclusive de foro íntimo), averiguando necessidade de afastamento ou desligamento de lideranças.
Acompanhamento de situações apresentadas pela investigação interna.
Reformulação do Regimento Interno para alinhar com mais clareza expectativas da congregação e evitar que eventos semelhantes aconteçam novamente.
Queremos por fim reconhecer, humildemente, que momentos assim, apesar de toda tristeza e dor, são oportunos para aperfeiçoamentos, melhorias e restruturação. Não estamos empenhados em sustentar uma placa ministerial, mas sim a Igreja, noiva de Cristo.

Com todo carinho e respeito,

Conselho Deliberativo da Igreja Bola de Neve

Trending