Siga-nos!

Mundo Cristão

Bispo da IURD explica a importância de entregar dinheiro “como sacrifício”

Bispo Sérgio Correia afirma que a pessoa estaria renunciando algo para poder conquistar seus objetivos e ter sucesso.

em

O bispo Edir Macedo publicou em seu blog um texto do bispo Sérgio Correia que explica aos fiéis da Igreja Universal do Reino de Deus a importância de se entregar dinheiro como “sacrifício” para obter as bênçãos de Deus.

O artigo começa dizendo que muitas pessoas “se entregaram de corpo, alma e espírito”, mas não alcançam a resposta que buscam no altar. A explicação dessa falha seria a falta de sacrifício material, ou seja, falta de doar valores.

“Muitos colocam toda força apenas no espiritual – jejuam, oram, se afastam do pecado -, mas temem agir a fé, renunciando no Altar o que pertence ao corpo, à alma e ao espírito, ou seja, o sacrifício material”, diz.

Usando versículo de Lucas 14.33, ele ensina que é preciso renunciar. “Essa renúncia no Altar significa ter a consciência de que tudo que temos: casa, carro, dinheiro, filhos, marido, mulher etc., não nos pertence – está conosco apenas como um empréstimo que Deus pode nos pedir quando quiser e estaremos prontos para entregá-lo no Altar, ainda que nos custe um sacrifício.”

Aprender a entregar um sacrifício seria a forma de obter as conquistas em todas as áreas da vida. “Se vocês não querem depender de ninguém como muleta, mas só de vocês mesmos e de Deus para chegarem as suas conquistas, seja na área em que for, então ajam a fé no Altar com as duas pernas do sacrifício – a espiritual e a material. Assim vocês não só caminharão, mas correrão em busca de seus respectivos sucessos.”

Publicidade