Siga-nos!

Internacional

Autor do ataque em feira de Natal na França gritou “Allahu akbar”

Terrorista muçulmano entrou atirando e deixou três mortos

em

Mercado de Natal de Estrasburgo

O tiroteio na feira de Natal de Estrasburgo, nordeste da França, deixou três mortos e pelo menos 12 feridos nesta quarta-feira (12). Embora tenha sido negado num primeiro momento, as autoridades francesas agora admitem que se tratou de um atentado terrorista.

O procurador da República, Rémy Heitz, confirmou que as testemunhas ouviram o atirador gritando “Allah Akbar” [Allah é grande] antes de abrir fogo contra os frequentadores do local.

O atirador foi identificado como Chérif Chekatt, um francês de 29 anos, que foi radicalizado na cadeia, onde cumpria pena por delitos menores.

Ele abriu fogo contra o público da feira de Natal, pouco antes das 20h da França (17h em Brasília). Depois, percorreu algumas ruas da cidade atacando pedestres com uma faca.

Na manhã de terça-feira, a polícia realizou uma batida em sua casa. Encontraram no local uma granada, uma metralhadora e duas facas de caça.

Publicidade