Siga-nos!

Internacional

Ataque do Boko Haram deixa 16 militares e 8 civis mortos em Camarões

O objetivo dos terroristas é criar um estado governado pela sharia em toda a região do Lago Chade

Avatar

em

Boko Haram. (Foto: Emmanuel Braun/ Reuters)

O governo de Camarões confirmou nesta quarta-feira (12) que um ataque do grupo terrorista Boko Haram deixou 16 militares e oito civis mortos na cidade de Darak, fronteira com a Nigéria.

O grupo jihadista atacou na segunda (10) uma instalação do Exército, roubando materiais de informática e armas. Depois eles dispararam contra civis, saquearam lojas e casas que estavam pelo caminho.

Leia mais...

As forças de segurança locais responderam contra-atacando os terroristas e o confronto durou algumas horas, segundo dados da agência EFE.

O Boko Haram tem agido em Camarões e este se tornou o pior ataque desde o começo do ano.

O objetivo dos terroristas é criar um estado governado pela sharia em toda a região do Lago Chade, que compreende o norte da Nigéria e os territórios de Níger, Chade e Camarões.

Continue lendo