Siga-nos!

Sociedade

“As manifestações de hoje não têm nada a ver com cortes na educação”, diz Janaina Paschoal

Autora do impeachment de Dilma Rousseff pediu para que Bolsonaro pare de ouvir Olavo de Carvalho e seus filhos

Avatar

Publicado

em

Janaína Paschoal (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Publicidade


A deputada estadual Janaina Paschoal (PSL) usou suas redes sociais para comentar sobre as manifestações realizadas hoje em todo o Brasil contra o contingenciamento anunciado pelo Ministério da Educação para as escolas e universidades federais.

Autora do impeachment de Dilma Rousseff, a advogada também comentou sobre a situação política atual enviando um recado importante para o presidente Jair Bolsonaro.

Publicidade

Leia mais...

Sobre as manifestações ela declarou: “Acreditem, as manifestações de hoje não têm nada a ver com cortes na educação, nem com reforma da previdência. Os infiltrados usariam qualquer desculpa para criar o factoide da insatisfação, com o fim de derrubar Bolsonaro”.

Por isso ela enviou uma mensagem aos apoiadores do presidente: “Peço, encarecidamente, àqueles que ajudaram a elegê-lo que parem de brigar entre si. É isso que eles querem. É assim que se fortalecem. Parem de brigar internamente! A briga com os verdadeiros opositores (que estão unidos) está só começando!”

Publicidade

Falando diretamente com o presidente, Janaina Paschoal pediu para que ele se afaste das polêmicas que envolvem o professor Olavo de Carvalho e também dos seus filhos.

“Peço a Bolsonaro que pare de ouvir Olavo. Ele tem uma obra incrível, mas a obra não se confunde com o autor. Peço a Bolsonaro que pare de ouvir os próprios filhos. Siga amando seus filhos, mas os afaste, por favor”.

Janaína entende que há uma movimentação a fim de derrubar Bolsonaro do poder e ela se mostra preocupada com isso. “Muitos querem derrubar Bolsonaro, mas não somos nós! Nós enfrentamos todos os riscos para dar uma chance ao país. Bolsonaro, reflita! Eu nunca menti para o Sr! O Sr sabe!”, disse ela.




Gosta do nosso conteúdo? Considere ajudar nosso ministério! Saiba mais em apoia.se/gospelprime


Comente!
Publicidade
    Publicidade
    Publicidade

    Trending