Siga-nos!

Internacional

Apple retira aplicativo que prometia a cura para o homossexualismo

Com a pressão de grupos gays e da mídia a empresa de Steve Jobs não comercializa mais o app

em

A Apple não resistiu às pressões da comunidade gay e da mídia e retirou na manhã desta quarta-feira, dia 23, o aplicativo que prometia a cura do homossexualismo.

O programa estava disponível na loja iTunes com a descrição de seu fornecedor, a Exodus International, como “um canal de acesso a notícias e informações sobre comportamento”. Em seu conteúdo, chega a sugerir uma “terapia reparadora” para livrar os homossexuais de seus desejos.

Assim que foi noticiado as intenções do aplicativo a ONG Truth Wins Out, que luta contra ações extremistas contra gays, acionou a Apple pedindo que o próprio CEO da empresa, Steve Jobs, se manifestasse em favor da remoção do aplicativo considerado preconceituoso da App Store.

Fonte: Gospel Prime

Com informações Revista Info

 

Publicidade